Novo Hamburgo –

Olha a notícia que recebi, ontem: a Vale TV está preparando um novo programa, a estrear no final de março – UBUNTU – com entrevistas, debates e muita arte sobre a realidade afro-brasileira (realidade concreta, com foco em Novo Hamburgo e na região).

Para a apresentação e produção, o chefão da Vale TV, Rodrigo Steffen, convidou quem conhece MEEEEESMO do assunto, Eduardo Tamborero, o rapper que assumiu a Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas para a Igualdade Racial, nas gestões dos prefeitos Tarcísio e Luís.

Eduardo Gomes da Silva, que recebeu o nome de Tamborero exatamente por ser um percussionista de impressionante qualidade e alegria rítmica, que desenvolveu dentro de uma casa de religião, dirigida por seu pai e sua mãe. Mas é também um intelectual, um poeta e um militante da IGUALDADE RACIAL (assim, com letras maiúsculas)!

Acredito que o programa vai ser um grande sucesso, pela qualidade das informações e dos contatos que o Tambor ele tem a possibilidade de mostrar para toda a cidade de Novo Hamburgo a impressionante riqueza e diversidade cultural que temos aqui mesmo.

E vai causar polêmica e confusão. É que o Tambor não é um negro muito bonzinho. Ele diz o que tem que dizer. Às vezes dói. Muitas vezes…

Só que o fato de não ser bonzinho não significa ser do mal. Sabe aquele cara que às vezes pisa no tomate, mas não esconde o sapato para esconder a mancada? Ele diz o que tem que dizer, mas ouve… e pensa …

… sempre lembrando que pensar, às vezes dói.

… mas, garanto que sara logo. Com a cultura maravilhosa que ele pode nos trazer, porque conhece a fundo, por raiz e por pesquisa, não vai sobrar nem cicatriz.

… imagino quando ele trouxer seu parceiro e poeta, Elson “Cascata” da Costa para falar da vida e mostrar sua poesia …

Este Tambor pode ser um sino para Novo Hamburgo e para a região.

 

Anúncios